Semana de Páscoa; quando Jesus trabalhe nos lugares improváveis e impossíveis

Semana Santa: quando Jesus trabalha nos lugares mais improváveis

Pelo qual ele também foi e pregou aos espíritos na prisão : 1 Pedro 3:19

(Agora que ele subiu que é, senão que também desceu às partes mais baixas da terra? 10  Aquele que desceu é também o mesmo que subiu muito acima de todos os céus, para que pudesse  cumprir todas as coisas.) Efésios 4 : 9

O sábado de Páscoa parece não ser tão marcado pelo que aconteceu com Jesus na vida, mas pelo que aconteceu com Jesus na morte. Das duas Escrituras acima, implica que, por mais que consideremos literal ou simbólica, a morte de Jesus não implicou uma extinção de espírito; no entanto, para os crentes, é definido que, quando o corpo morre, a alma e o espírito continuam vivendo. A visão é realizada através desses dois versículos que detalham a jornada entre o Calvário e o dia da ressurreição.

O que nós sabemos? O que aconteceu? E quais são as aplicações para este ano atual?

Os santos da Antiga Aliança ouvem as Boas novas e são libertados para o céu.

A chegada do Novo significa que a missão de Jesus teve que se estender até os reinos sombrios da morte. Parece que, até onde sei, o sábado antes do domingo de Páscoa foi um assunto sombrio. Contudo, Jesus estava fazendo um trabalho ainda maior … Sua missão nos libertou do poder da morte, pois implica que os santos do Antigo Testamento não eram livres para povoar seu estado eterno. Eles ouviram as “Boas Novas” de que Ele é o Messias para libertá-los das cadeias da lei.

Apocalipse 1 nos diz que Jesus pegou as chaves da Morte e do Hades. Aqui temos um ângulo interessante sobre o que aconteceu naquele fatídico Grande Sábado.

Não temas; Eu sou o primeiro e o último: 18  Eu sou o que vive, e estava morto; e eis que vivo para sempre, amém. e tem as chaves do inferno e da morte. Apocalipse 1:18

O Senhor Ascenso: Glorioso!

O trabalho maior foi como o diabo foi desarmado em seu próprio domínio, o domínio dos moribundos e dos mortos. A morte foi transformada em uma passagem para o céu pelos santos. As chaves são o destino de quem vai lá, para o inferno e quem está preso pela morte. O poder do diabo de acusar e condenar no Evangelho é retirado. Por mais que o diabo tenha inspirado a flagelação de JESUS, todo o panorama do sofrimento, agora todo o poder do Evangelho é sentido em seu próprio domínio, ele agora percebe como é derrotado.

E a partir dessa base, apresentamos esta mensagem hoje, porque enquanto estamos tratando Jesus na morte , somos tratados sua aplicação na vida! A Missão de Jesus transita aqui para o eterno. Ele resolveu a dispensação da Antiga Aliança referente à morte. Ele agora retirou o poder da condenação eterna do diabo e seu domínio de acusação, agora o Juízo Perante ao Senhor!Podemos debater muito tempo se isso fosse literal, todos sabemos que as implicações e aplicações do que Jesus fez na morte são sentidas por todos que estão nele. A condenação de satanás residia no fato de que os sacrifícios não resolviam a redenção e mudavam a questão da natureza. Os animais apenas cobriam o pecado, mas o pecado ainda dominava o homem, agora em Cristo Ele venceu o poder da morte.

Jesus resolveu não apenas a questão da morte física, mas a segunda morte no último grande julgamento, por meio dEle, que agora é rei sobre todos, nos foi dada a grande oportunidade de viver em morada pacífica e alegre.

Então, uau … temos que reconhecer, enquanto nos concentramos na sexta-feira em Seu sofrimento, e no domingo em sua ressurreição, nunca, ou raramente pensamos no sábado.

As maiores batalhas na dimensão espiritual são aquelas travadas no silêncio e na escuridão, e na obscuridade, mas a maior derrota dessa escuridão é vencida para sempre no sábado de Páscoa.

Nós nos concentramos na sexta-feira em Seu sofrimento físico, até no domingo e em Sua ressurreição, mas a maior vitória foi conquistada no sábado! A morte foi vencida!

Por todos os que estão hoje em quarentena, feitos para ficar em casa, para os quais devemos seguir as diretrizes do governo, temos grande conforto nessas verdades. Jesus havia conquistado o Coronavírus no lugar do Hades, não será um vírus que determina o nosso destino. O poder do vírus é limitado a esta vida e, enquanto muitas famílias sofrem a perda de um ente querido, um filho, uma filha, um pai, Jesus na escuridão conquistou o Coronavírus, e é uma oportunidade para o Igreja para acreditar em seu papel em ampliar sua visão do Evangelho na guerra contra o medo que está diante dessa praga mortal!

É a Igreja que deve apresentar Jesus, Senhor Glorificado e Ascensionado e Juiz que virá em nosso favor para realizar milagres e curas. Acredito firmemente no lugar de Hades, e no que ele representa Ele retomou a autoridade de derramar sobre Sua Igreja o poder de curar. Do lugar da morte nasceu o lugar da Vida! Haverá testemunhos de milagres, nos hospitais, oremos por médicos e enfermeiras, crentes, para acessar o poder da cura! Um reavivamento da cura que não é visto há muitos anos!

O Salmo 110 é Davi, conversando entre Deus, o Pai, e Deus, o Filho. Ele nos dá uma imagem do nosso papel como Igreja, colocando o inimigo como um banquinho. Foi assim que Jesus destinou a Igreja a ser, e fazer, um canal de Sua cura e Seu julgamento sobre o mal. Agora que a Igreja não se encontra em prédios, é hora de orar, entre em contato com os crentes da linha de frente nos hospitais para entender o que Jesus fez no Calvário e enfrentar a morte de frente! Ao encontrarem a morte de frente, irão com Jesus, que venceu o inferno e a morte, trazendo salvação e cura eternas!

Então lembre:

Não enfatize apenas sexta-feira, quando Jesus morreu, a Cruz, nem o domingo de Páscoa quando Ele ressuscitou, Sua obra completa também deve contemplar o sábado, quando Ele venceu a morte e o inferno!

Hoje alcance a fé … encontre vitória e cura!

Shalom

Mensagem traduzida com agradecimento a Daniela Morato Brasil.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Powered by WordPress.com.

Up ↑

%d bloggers like this: